Skip to main content

Agência Tambor tem trabalho reconhecido no Rio de Janeiro

Com o título “Veículo do Maranhão é referência de bom jornalismo”, o Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC), conhecida escola de formação do Rio de Janeiro, publicou ontem (28), em seu site (nucleopiratininga.org.br), texto sobre o trabalho jornalístico que a Agência Tambor vem fazendo, a partir do Maranhão.

Veja abaixo o texto do NPC

A AgênciaTambor, veículo de comunicação de São Luís do Maranhão, colocou no ar, no último dia 24 de outubro, seu novo portal de notícias, que permanece no endereço agenciatambor.net.br.

O espaço foi remodelado para melhor abrigar o conteúdo jornalístico, que é produzido permanentemente em texto, vídeo e áudio.

Em março do ano que vem, a Agência Tambor completará quatro anos. Fruto de experiências de comunicação alternativa e popular (Jornal Vias de Fato e movimento de rádios comunitárias), associado ao apoio político de sindicatos, ela se constituiu, nesse período, em um veículo de comunicação multiplataforma, voltado para o webjornalismo.

O carro chefe da Agência segue sendo o Jornal Tambor, que vai ao ar de segunda a sexta, sempre às 11h, transmitido pelo YouTube, podendo ser acompanhado ao vivo também pelo Facebook e Twitter.

Educação, história, jornalismo

As entrevistas que são feitas diariamente no Jornal Tambor, no quadro Dedo de Prosa, resultam numa reportagem (texto), que é publicada no portal, circulando em seguida em redes sociais.

O Jornal Tambor fica naturalmente arquivado no YouTube da Agência, mas as entrevista também são disponibilizadas em podcast, pela plataforma Spotify. E esse material em áudio está vinculado no portal.

Além do Jornal Tambor, a Agência também veicula o programa semanal História Viva, em parceria com a Associação Nacional de História Seção Maranhão (ANPUH-MA). Trata-se de um programa educativo.

Outro programa da Agência Tambor é o Papo de Crente, também uma iniciativa pedagógica, conduzida por teólogos e educadores, que trata de cristianismo e democracia. O programa foi interrompido durante a pandemia, mas volta em 2022.

Contra-hegemonia e democracia

Hoje, a partir do seu trabalho diário e seu acúmulo histórico, é correto afirmar que a Agência Tambor, a partir de São Luís do Maranhão, se constituiu em referência de bom jornalismo no Brasil.

Em tempo des avalanches de mentiras na internet (fake news), promovidas por uma extrema-direita que chegou ao Palácio do Planalto, a agência maranhense – de viés contra-hegemônico – anuncia um jornalismo comprometido com a democracia, com o interesse público, os direitos humanos e a justiça social. Ela anuncia e faz esse trabalho!

O novo portal da Agência Tambor traz um espaço para opinião. “Nós queremos, dentro de parâmetros democráticos, estimular o debate, o contraditório e a liberdade de expressão”, diz o jornalista Emilio Azevedo, co-fundador da Agência Tambor e um de seus coordenadores.

Logo após a chegada do novo portal de notícias, os primeiros artigos publicados foram de Letícia Cardoso (jornalista e professora da Universidade Federal do Maranhão), Luzenice Macedo (bióloga, produtora cultural e sindicalista), Igor de Sousa (antropólogo e assessor da Cáritas Brasileira) e Victor Coelho (historiador, professor da Universidade Federal do Maranhão, ligado a Associação Nacional de História).

Em tempos de comunicação interativa, nós recomendamos a Agência Tambor! E mais do que isso, nós sugerimos a participação, o apoio e o engajamento. A sociedade brasileira precisa, mais do que nunca, de um jornalismo com esse batuque!

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x

Acesso Rápido

Nossas Redes

Mais buscados