Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

whatsapp-image-2019-08-13-at-09-18-54
No comando: Inscrição para o debate “Comunicação, democracia e desigualdade social”.

Das 17h às

Flávia Regina
No comando: Jornal da Tambor

Das 11:00 às 12:00

Sindicato atua pela prevenção em agências bancárias do Maranhão

Compartilhe:
banco-central_1

Da Agência Tambor
Por Danielle Louise
25/03/2020

 

O novo coronavírus (COVID-19) tem se espalhado rapidamente pelo Brasil. Atualmente existem 2.281 pessoas infectadas e 47 mortos, confirmados pelo Ministério da Saúde. No Maranhão, até o momento há oito casos identificados.

Em decorrência disso, o Sindicato dos Bancários do Maranhão ajuizou um pedido de liminar para suspender que as agências bancárias atendam os clientes, presencialmente, em um prazo inicial de 15 dias. O presidente da entidade, Eloy Natan, participou da Radiojornal Tambor da segunda-feira (23) e comentou sobre o pedido.

Ele explicou que a suspensão presencial dos serviços bancários evita a aglomeração de pessoas em todas as agências e postos de atendimento, acolhendo a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde. 

Para o sindicalista “manter os bancos abertos é um atentado contra a saúde pessoal e familiar dos bancários e clientes, assim como de toda a comunidade”.

Considerando o pedido, ainda na segunda-feira (23), a Justiça do Trabalho, em decisão liminar, determinou a redução das atividades das agências para quatro horas por dia em todo território maranhense. E além disso, estabeleceu que os bancos forneçam luvas e álcool gel para todos os funcionários.

O juiz também determinou que as agências tenham maior controle na entrada de clientes, a liberação dos trabalhadores que são dos grupos de riscos, a alternância dos funcionários e o atendimendo em casos primordiais.

O presidente do SEEB-MA, informou à Agência Tambor, que apesar do importante desdobramento que tenta assegurar à saúde dos bancários e da população de modo geral, o posicionamento do sindicato é de suspensão total dos serviços presenciais.

 

Deixe seu comentário: