Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

whatsapp-image-2019-08-13-at-09-18-54
No comando: Inscrição para o debate “Comunicação, democracia e desigualdade social”.

Das 17h às

Flávia Regina
No comando: Jornal da Tambor

Das 11:00 às 12:00

Quarta Cultural e a economia solidária no Maranhão

Compartilhe:
images-72

Da Agência Tambor
Por Danielle Louise
15/01/20

No Radiojornal Tambor desta quarta-feira (15), a jornalista Flávia Regina entrevistou Luiza Mendes, coordenadora do CRESOL/MA (Centro de Referência de Economia Solidaria) e Nafis Bezerra, artista e produtora cultural.

As entrevistadas contaram sobre o evento “Quarta Cultural” que aconteceu nesta quarta-feira, no CRESOL/MA e aproveitaram a oportunidade para falar sobre o projeto que desenvolve economia solidária.

Luiza Mendes explicou que a economia solidária envolve a sustentabilidade e consumo consciente. Preocupa-se com o meio ambiente e as pessoas. “É uma forma de organização coletiva com associações, grupos produtivos e cooperativas” destacou ela.

A convidada comentou, ainda, que a “Quarta Cultural” surgiu com a proposta de aproximar os artistas para fomentar a organização deles, por meio desse tipo de estrutura econômica. “Queremos dar visibilidade ao CRESOL, mas também aos artistas, pois também são produtores”, disse ela.

O CRESOL/MA, segundo ela, é um espaço para artistas maranhenses e pequenos produtores que optaram pela produção social. O espaço tem a gestão compartilhada por meio da Secretaria do Trabalho e Economia Solidária e membros da sociedade civil. “É um espaço que reúne esses trabalhares que além de exporem, também podem consumir”, frisou Luiza Mendes.

A produtora cultural, Nafis Bezerra ressaltou, durante a entrevista, a dificuldade que artistas locais têm no Maranhão e a importância do Centro de Referência que proporciona oportunidades. “Ser artista no estado é difícil. O CRESOL abriu o espaço para eles”, disse ela.

Ela também destacou a falta de investimento do Poder Público. “Falta investimento financeiro nos artistas maranhenses. Maioria são cachês baixos e colaborativos” declarou a artista.

O CRESOL/MA fica na Rua de Nazaré, 173, no Centro.

Ouça a entrevista de nossas convidadas em nosso TamborCast:

Deixe seu comentário: